terça-feira, 9 de março de 2010

Pois ouvi Azimuth!

Vem!
Segura minha mão...
Não tema!
É um belo passeio.
São nuvens cor de prata,
Algumas levemente incandescentes,
Só para aquecer você.
Sorria!
Estamos aqui, sós, na presença Deus.
Isto é tão perto quanto nascer.
Aproveite o olhar do Senhor,
Pois ele nos faz flutuar.
Desliza comigo pelas maravilhas do universo.
Estrêlas, nunca vistas, iluminam nosso vôo
E nos conduzem a uma outra vida,
De sonho e libertadade.
Vamos juntos e felizes, voar.
Navegar o universo e repousar no horizonte,
Onde uma chama de amor nos aquecerá e
Para sempre nos fará existir na comunhão divina de
De amar, voar, criar; eternizar,
Em harmonia com a vida.

(Anselmo Veríssimo)

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante. Avalie, critique, fique a vontade.