quarta-feira, 29 de maio de 2013



Em algum lugar.

Toda hora,
Em cada momento ou lugar,
Vou estar,
Mesmo que vagamente a passar.

Num pensamento,
Aroma,
Som,
Até mesmo em algum paladar.

Aquele,
Com gosto
De cheiro
De algo inebriante.

Sim,
Estarei lá.
Devagar
A divagar.

Seu sentido
Será o palco
E sua mente
Dará o roteiro.

Um dia.
Toda hora,
Em todo lugar.
Nosso amor vai estar.

(Anselmo Verissimo)









Oscar, o mão-santa.

Oscar, o mão-santa, que tanto honrou o basquete brasileiro, sofre com um câncer no cérebro. Terrível e chocante, quando lembramos a figura alegre, descontraída e emotiva do grande atleta. Recordo uma reportagem sobre a precisão de seus arremessos da linha de três pontos. Sua esposa o acompanhava em sua obstinação pela perfeição. Eram 500 arremessos. Mas não apenas 500 arremessos, simplesmente. Eram 500 arremessos certos. E ela buscando as bolas perdidas no fundo de quadra para que ele as pudesse arremessar novamente. Essa passagem mostra o quão preparados devem estar marido e mulher para superar mais essa dura batalha, agora pela vida. E tenho certeza que com a perseverança que o carateriza, o velho Oscar estará dando risadas e focando cada um de seus dias na plena recuperação de sua saúde. 
Este blog estará na "arquibancada da vida" vibrando e aplaudindo cada dia vencido pelo nosso cestinha maior. Força, Oscar!

Mantra Notícias 575: Quinta, 30/Maio: José Tobias no Teatro Municipal de Niterói (Thaís Motta, Altay Velloso, Feital)-Sábado, 1/Junho: Thaís Motta e Azymuth em Penedo-Terça, 4/Junho, c/ Guto Goffi e Adalberto Miranda no Santo Scenarium (Centro, Rio)